Arquivo de Abril, 2011

The Killers

The Killers

The Killers é uma banda que tenho ouvido bastante nas últimas semanas. O grupo é de Las Vegas e surgiu em 2002 apresentando um rock alternativo de excelente qualidade. Seus integrantes, Brandon Flowers (vocal e sintetizador), Dave Keuning (guitarra e vocal de apoio), Ronnie Vannucci (bateria) e Mark Stoermer (baixo e vocal de apoio) obtiveram uma ótima crítica e um reconhecimento do público em 2004, com o lançamento do debut da banda, intitulado Hot Fuss – disponível para download no final deste post. Logo, canções como Mr. Brightside e Somebody Told Me entraram nas paradas de sucesso de diversos países.

The Killers - Hot Fuss (2004)

O que, particularmente, me chamou a atenção para a banda, é que embora eles tenham poucas músicas que viraram hit mundo afora, todas as músicas do disco são muito boas e bem acabadas. Não é o tipo de banda que agrada com poucas composições. Eu aprecio muito, além das que já citei acima, All These Things That I’ve Done. De maneira geral, a sonoridade da banda lembra um pouco a dos anos 80, devido aos sons sintéticos presentes nas canções. Com o lançamento do segundo álbum (Sam’s Town), em 2006, o grupo assumiu novas características, marcando uma mudança considerável no estilo que a banda vinha apresentando desde seu primeiro álbum. Influenciados por músicos como Bruce Springsteen, incorporaram um espírito mais agressivo e rock and roll.

A banda lançou ao todo cinco álbuns até o momento: Hot Fuss (2004); Sam’s Town (2006); Don’t Shoot Me Santa (2007); SawDust (2007) e Day & Age (2008). No final deste post, disponibilizo um link para o download de um torrent que encontrei no The Pirate Bay com o qual é possível baixar toda a discografia da banda.

 Antes de baixar o álbum, assista abaixo ao clipe de Mr. Brightside.

DISCOGRAFIA COMPLETA THE KILLERS Baixe o torrent aqui

Anúncios

O Apanhador no Campo de Centeio – J.D. Salinger

     O Apanhador no Campo de Centeio (The Catcher in the Rye) é a obra-prima de Jerome David Salinger, escrita em 1945 e publicada em 1951. Holden Caulfield – protagonista e narrador da trama – é um jovem de 17 anos assumidamente mentiroso e covarde que narra os últimos acontecimentos de sua vida. A história toda gira em torno de sua expulsão do colégio e o temor do anúncio desta a seus pais. Jovem da alta sociedade nova-iorquina, Holden Caulfield não se encaixa no mundo onde está inserido. É recorrente ao longo de toda a obra a denúncia da decadência de valores, presente tanto nas escolas quanto nas cidades americanas do pós-guerra. “As pessoas sempre batem palmas pelas coisas erradas” diz Holden em uma passagem do livro. A reação do jovem diante dessa sociedade que o constrange, o oprime e o repugna é a frustração e a depressão. Do início ao fim da obra, o personagem principal mostra-se por vezes desequilibrado, sendo comum ele próprio se auto-intitular de maluco. O livro destaca-se pela linguagem coloquial e repleta de gírias da época, predominando o fluxo de consciência, onde o personagem-narrador fala o que pensa, deixando fluir seus pensamentos na escrita. Dessa forma, é comum o narrador pular de um assunto para o outro sem muita cerimônia, dando a impressão de que tudo que está sendo escrito é obra do acaso. Na realidade, essas digressões são propositais, de certa forma características da obra. Há, inclusive, um capítulo, no final do livro, no qual o autor utiliza-se de um diálogo entre Holden e um ex-professor para explicar o papel das digressões em sua narrativa.
     O Apanhador no Campo de Centeio é um livro importante pelo registro de uma época. É um livro que inquieta pela sua singularidade e que acaba fazendo com que o leitor, ao término da leitura, sinta a incômoda sensação de possuir muito de Holden Caulfield dentro de si.

J. D. Salinger
Sobre o autor: Jerome David Salinger nasceu em Nova York em 1º de Janeiro de 1919. É um dos mais importantes escritores norte-americanos do século XX. Seu romance mais conhecido é O Apanhador no Campo de Centeio, publicado em 1951. Frequentou escolas públicas e, depois, a academia militar. Estudou pouco tempo nas universidades de Nova York e Colúmbia, mesmo período em que começa a escrever contos – alguns publicados em periódicos norte-americanos. Prestou serviço militar entre 1942 e 1946, participando da II Guerra Mundial. Essa experiência viria a marcar toda a sua vida e obra. Com o fim da guerra, passou a colaborar com a revista The New Yorker. Em 1948 publica Um Dia Perfeito para o Peixe-Banana, livro elogiado pela crítica e sucesso de público. O Apanhador no Campo de Centeio é editado em 1951. A obra, que trata dos dramas cotidianos da juventude norte-americana, obtêm êxito imediato entre o público universitário, por sua linguagem coloquial e humorística e o jargão típico dos adolescentes. Devido à crescente exposição, Salinger torna-se recluso, indo viver no campo. A partir de então publica com menos frequência.

Conta Comigo (Stand By Me) – 1986

 

Conta Comigo (Stand By Me)

Conta comigo é um filme inesquecível, puro. Assisti-lo foi marcante pra mim na minha infância e adolescência, tanto que ainda hoje, assistir a esse filme faz com que eu me lembre dessas fases boas da minha vida, do quanto era bom assistir a Sessão da tarde.

Passei um tempo procurando saber o nome desse filme, já que tinha interesse em vê-lo, depois de tanto tempo. Demorei um pouco para descobrir. Na verdade, foi um amigo meu da faculdade que descobriu pra mim e veio me falar. Então, decidi pôr o torrent do filme aqui, para que outros “nostálgicos” como eu tenham a felicidade que eu tive de rever essa obra-prima.

Sinopse:

Conta Comigo (Stand By Me) 1986 – Dublado em Português do Brasil

Em uma pequena cidade florestal do Oregon, quatro amigos – o sensivel Gordie (Will Wheaton), o durao Chris (River Phoenix), o destemido Teddy (Corey Feldman) e o acovardado Vern (Jerry O’Connell) – estao a procura do corpo de um adolescente desaparecido. Querendo ser herois diante dos amigos e aos olhos da cidade, eles partem numa inesquecivel viagem de dois dias que se transforma em uma odisseia de auto-conhecimento. Eles fumam escondidos, contam casos assustadores e descobrem que precisam ficar unidos e encontrar forcas que nem imaginavam possuir. CONTA COMIGO é um filme raro e especial sobre a amizade e as indeleveis experiencias do crescimento. Cheio de humor e suspense, o filme é baseado no romance O CORPO (The Body) de Stephen King.

Trailer

Download do torrent – link do The Pirate Bay

PS.: o filme é dublado. Não achei o torrent dele legendado.


Categorias